Morro do Pão de Açúcar

 

O Morro do Pão de Açúcar, um dos principais cartões postais do Rio de Janeiro, está situado no bairro da Urca, na Avenida Pasteur, nº 520, entrada da baía de Guanabara, entre o morro Cara de Cão e o morro da Urca, e tem 396 metros de altura. Na verdade, é um bloco composto por duas montanhas. Acredita-se que sua formação tenha acontecido há mais de 600 milhões de anos.

PdA Rodrigo Solson

Rodrigo Soldon ndRS2

Fotos 1, 2 e 3: Rodrigo Saldon – Fonte: Flickr (CC BY 2.0 e CC BY-ND 2.0)

O complexo é composto por três estações. Para alcançar o topo, primeiro você toma o teleférico que parte da Praia Vermelha e segue para a primeira parada no Morro da Urca, a 220 metros acima do nível do mar. Em seguida, o segundo bondinho, para então chegar ao Morro do Pão de Açúcar.

nicholasbittencourt saHector Garcia sa

 Foto 1: Hector Garcia – Flickr (CC BY-SA 2.0)                   Foto 2: nicholasbittencourt – Flickr (CC BY 2.0)

O cenário que você vê, tanto a partir do bondinho quanto no topo do morro, numa emocionante viagem que dura pouco mais de cinco minutos, avistando vários lugares do Rio de Janeiro, é estonteante. Além do balanço do bondinho, o voo de uma aeronave se preparando para a aterrizagem pode deixar seu passeio ainda mais emocionante.

Outra boa dica para aproveitar melhor o seu passeio, é contornar à pé a Baía a partir da Enseada de Botafogo, para conhecer, também, o Iate Clube do Rio de Janeiro, margeado pelos tradicionais edifícios. Numa caminhada normal este trajeto não leva mais do que meia hora.

Glovebr2008 680

Foto: Glovebr2008 – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)

Depois dos teleféricos e de ter conhecido o Morro do Pão de Açúcar, você pode conhecer também um pouco mais sobre a Urca. A Urca do tempo dos cassinos até a extinção, por lei, dos jogos de Azar e da Praia Vermelha, reduto de diversões noturnas dos anos 50, onde hoje se encontra o Círculo Militar. Afinal, na Urca também reside o maior ídolo da música popular brasileira, Roberto Carlos, em seu prédio na Avenida Portugal.

Urca marcusrgRS nd

Foto 1: marcusrg – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)              Foto 2: Rodrigo Soldon – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)

O Morro do Pão de Açúcar, constituído por um nonólito, é uma marca registrada do Rio de Janeiro, e seus bondinhos da atual geração, iniciada em 1972, são dotados de dispositivos de segurança ultramodernos e superseguros. A viagem é tranquila e, salvos raríssimos acidentes de grau leve, nenhum registro fatal foi registrado em mais de 100 anos de tráfico dos bondinhos.

Dentre várias versões sobre a origem de seu nome, a mais conhecida é a de que o nome “Pão de Açúcar” tenha sido dado pelos portugueses.

 rs nd 5Jack Fiallos

Foto 1: Rodrigo Soldon – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)                  Foto 2: Jack Fiallos – Flickr (CC BY 2.0)

E, sendo um dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro, não podia ser diferente. O Morro do Pão de Açúcar, rodeado pela Mata Atlântica, habitar de animais nativos e exóticos, já teve em seu dia-dia visitas ilustres como a do cientista Albert Einstein, do cantor inglês Elton John e do ex-presidente dos Estados Unidos John Kennedy.

Gian Cornachini

Foto: Gian Cornachini – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

O parque funciona diariamente das 7 as 19 h. E até a base da Pedra do Pão de Açúcar você também tem a opção de seguir por uma trilha no meio da vegetação, vislumbrando mirantes naturais com vistas de quase 360 graus, a partir da pista Cláudio Coutinho (Caminho do Bem-te-Vi), também conhecida como Estrada do Costão, em área militar, que começa na praia vermelha. Mas a distância é longa (1487 metros) e exige muito esforço físico. Porém, o local é bem sinalizado e dá até para seguir sem a necessidade de um guia.

PA Juliana Lopes 4 ccJuliana Lopes 6

Fotos: Juliana Lopes – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

Rogerio ZgitGlovebr2008

Foto 1: Rogerio Zigt – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)           Foto 2: Glovebr2008 – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)

Para os alpinistas, o Pão de Açúcar representa uma mistura de ousadia e conquista. É um dos locais preferidos para a prática de alpinismo no Rio de Janeiro. Com bastante grau de dificuldade, é a montanha brasileira que tem o maior número de vias escaladas. São cerca de 60 vias de acesso até o topo da montanha. Inclusive, a parte baixa das rochas é utilizada para aulas de alpinismo.

Eurritimia Fab de nice

 Foto 1: Eurritimia – Fonte: Flick (CC BY 2.0)                   Foto 2: H4 g2 – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)

Em seu primeiro capítulo da história, a construção do teleférico foi um desafio à engenharia, por seu idealizador Augusto Ferreira Ramos, em 1908, imaginando um caminho aéreo até o Pão de Açúcar, quando participava de uma exposição na Praia Vermelha em um evento comemorativo ao centenário da abertura dos portos às navegações amigas. Dois anos depois, depois de ser fundada a Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar, em 1910, teve inicio as obras da construção do primeiro teleférico no Brasil, inaugurado em 1912.

O Pão de Açúcar também representa um marco natural histórico e turístico da cidade do Rio de Janeiro, por sua localização, na entrada da Baía da Guanabara, servindo de referência para os navegadores que aqui chegavam, quando aos seus pés Estácio de Sá fundou a Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro em 28 de fevereiro de 1565.

BondeLF

Fotos: Luiz Fernando Reis – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

Nas estações, além de sanitários, o visitante tem à sua disposição várias lojas, centro de informações, telas e fotos da história do bondinho, lanchonetes, restaurante, bares e uma vista fenomenal para várias partes dessa Cidade Maravilhosa.Keetr nd

Foto: Keetr – Fonte: Flickr (CC BY-ND 2.0)

Entre as atrações do parque, você encontra o Anfiteatro com apresentações de shows musicais de vários estilos (o espaço também é palco de outros variados eventos), o espaço Disco (uma área com três plataformas circulares cobertas, oferecendo ótimas opções de happy hours e eventos mais intimistas), a Praça dos Bondes (muito legal de ver a exposição dos bondinhos das gerações anteriores e esculturas em tamanho real de seus idealizadores), o EBC (que é onde você tem à disposição restaurantes, lojas e quiosques para o café da manhã, almoço e jantar) e o Curcuruto (um espaço a céu aberto mais alto do Rio de Janeiro, onde você passa a conhecer a história dos teleféricos e fica completamente inteirado da história do Pão de Açúcar e toda a trajetória dos teleféricos inaugurados há mais de 100 anos).

Carlos VarelaCarlos Varela

Fotos: Carlos Varela – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

Outro prazer, de poder ver a cidade do alto, para quem gosta de voar, é o passeio de helicóptero, tanto de dia como de noite, com diferentes percursos.

Carlos Varela 3Carlos VarelaWatch Full Movie Online Streaming Online and Download

 Fotos: Carlos Varela – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

O primeiro teleférico foi inaugurado em 1912. Hoje, os modernos bondinhos transportam até 65 pessoas.

Site Oficial do Morro do Pão de Açúcar

Outras dicas

Vídeo: www.dicas-de-viagem.com