O rei das frutas

O ABACAXI

Depois da banana e da laranja, o abacaxi pode ser considerado a melhor fruta nacional, por seu agradável sabor de aroma assaz delicioso. Para muitos, a melhor fruta conhecida.

O abacaxi quando maduro é bastante ácido. É uma das frutas mais consumidas no Brasil, doce, e um símbolo das regiões tropicais e subtropicais. Na gíria brasileira, é sinônimo de coisa que não presta. Provavelmente, um título adquirido por seu visual espinhoso e da dificuldade em descasca-lo devido suas farpas presentes, tanto no fruto como em sua coroa. Talvez daí tenha nascido a expressão “descascar o abacaxi”.

Victoria Rachitzky Hoch

Por Victoria Rachitzky Hoch         Fonte: www.flickr.com     (CC BY 2.0)

Mauro Luongo Junior

Por Mauro Luongo Júnior            Fonte: www.flickr.com        (CC BY 2.0)

Abacaxi

Por Victor  /  Pineaple              Fonte: www.flickr.com        (CC BY 2.0)

sec

Secretaria de Agricultura e Abastecimento – Fonte: Flickr (CC BY 20)

Marcelo Cava

Por Marcelo Cava                    Fonte: www.flickr.com         (CC BY 2.0)

Sec de Agric e Abast

Secretaria de Agricultura e Abastecimento – Fonte: Flickr (CC BY 2.0)

O abacaxi já era cultivado pelos indígenas nas regiões do Novo Mundo, antes mesmo do seu descobrimento pelos europeus. Além do seu consumo ao natural, o abacaxi oferece uma série de outros proveitos como doce em calda ou cristalizado, passa, picles, suco, xarope, geleia, licor, bebida fermentada, sorvete, cremes, balas, bolos, vinagre e aguardente.

Veja algumas receitas, simples e fácil de fazer:

A) Fritadão de arroz com adicionamento de Abacaxi, camarão, ovo, frango, castanhas e Pimentão (por Luis Evers);

B) Suco de abacaxi com banana, gengibre e hortelã, e suco de maçã com abacaxi e laranja (por Leo Rey: www.reinoveggie.com);

C) Folhadinho frito, bem fino, com tirinhas de abacaxi dentro (por Luis Evers);

D) Bolo na taça de abacaxi com coco (por Carol Rego Martão).

Luis Evers sa

Por Luis Evers                     Fonte: www.flickr.com         (CC BY-SA 2.0)

Leo Rey.

Por Leo Rey                        Fonte: www.flickr.com          (CC BY 2.0)

Leo Rey

Por Leo Rey                       Fonte: www.flickr.com        (CC BY 2.0)

Carol Rego Martão sa

Por Carol Rego Martão               Fonte: www.flickr.com        (CC BY-SA 2.0)

Luis Evers sa.

Por Luis Evers                    Fonte: www.flickr.com        (CC BY-SA 2.0)

Yutaka Seki Hawaiian Landscape

Por Yutaka Seki  /  Wawaiian Landscape    –    Fonte: Flickr    (CC BY 2.0)

USO MEDICINAL DO ABACAXI

Como uso medicinal, o abacaxi tem várias aplicações: bronquite, afecções da garganta, é diurético e vermífugo; combate a prisão de ventre; é desobstruente do fígado; favorece a digestão; combate todas as inflamações do tubo digestivo e cura as febres intestinais; além de ser eficaz no tratamento da arteriosclerose e anemia; é bom contra as enfermidades da bexiga, da próstata e da uretra; é muito útil em casos de cálculos renais e vesicais, e em caso de amenorreia; é bom remédio contra o reumatismo, como também contra o artritismo; emprega-se com bons resultados na hidropisia e na icterícia; é muito útil no combate à nefrite; é um tônico cerebral, combatendo a neurastenia, a melancolia, a tristeza, a perda de memória; é depurativo do sangue e ótimo germicida. Como valor alimentício, é uma fruta com boas fontes de hidratos de carbono, proteínas, gorduras e água; cálcio fósforo, ferro, magnésio, potássio, sódio, cloro e enxofre; vitamina C, possuindo igualmente vitamina A, B1 e B2.

Por outro lado, o ananás, uma fruta próxima ao abacaxi, de aspecto selvagem, também é bastante consumido pela população de todo o mundo. No Brasil podemos encontrar em grande quantidade o ananás-de-agulha, ananás-de-cerca e ananás-de-raposa.

PRINCIPAIS PRODUTORES DE ABACAXI

Entre os principais produtores de abacaxi no mundo estão o Brasil, a Tailândia, as Filipinas, a Costa Rica, a República Popular da China, a Índia e a Indonésia. No Brasil, os maiores produtores são os estados de Minas Gerais, Paraíba, Pará, Bahia e Rio Grande do Norte.

Como acontece com outros produtos, com o abacaxi não é diferente. Algumas cidades com grande potencial no cultivo, se colocam como “cidades símbolos do abacaxi.

FLORESTA DO ARAGUAIA ____________________________________________________________________

Tida como a “Capital do Abacaxi”, Floresta do Araguaia começou a produzir a fruta da variedade pérola, a sério, nos anos 80, por empresários que apostaram na produção do abacaxi, e deu muito certo. O município se destaca como o maior produtor de abacaxi do estado do Pará, com safras gigantescas, fazendo jus ao título. Em terras de Floresta do Araguaia, o abacaxi é rei. Turisticamente, o município banhado pelos rios Araguaia e Pau D’Arco, oferece aos seus visitantes belas praias de água doce, sendo a da “Fofoca” a mais procurada por turistas que visitam a região, por sua beleza natural.

1 floresta do araguaia

Créditos: www.riomariaemfoco.blogspot.com.br

MIRANORTE ________________________________________________________________________________

O título de a “Capital Nacional do Abacaxi” é sinônimo de grandeza para Miranorte, localizada as margens da BR 153, na região centro-oeste do estado do Tocantins. O cultivo de abacaxi no município já pode ter vindo desde os tempos do fazendeiro Job Lima, na década de 1930, cuja propriedade foi adquirida em 1952 por Antônio Valentim, que pleiteava o desenvolvimento daquela região, e que só chegou com a abertura da Rodovia Belém-Brasília, o que elevou o povoado a município, em 1964.

2 Miranorte

Créditos: Governo de Miranorte – www.miranorte.to.gov.br/

MONTE ALEGRE DE MINAS ___________________________________________________________________

Município rico no cultivo do abacaxi, ostentando o título de “Terra da Felicidade, Capital brasileira do abacaxi”, Monte Alegre de Minas é uma pitoresca cidade localizada no Triângulo Mineiro, com vários locais de visitação, entre os quais: Cachoeira da Usina Velha, Cachoeira do Rio Piedade, Cachoeira Sangra, Cachoeira Esperança, Cachoeira Prizzi e Cachoeira da Fazenda Zequinha. A cidade possui um clima Tropical-Seco e tem uma população aproximada de 21.000 habitantes, numa área de 2.593,171m2, a 70,3 km de Uberlândia.

3 panoramio.com - pt.w - Ogusuku, L. M.

Créditos: Ogusuku, L. M. (www.paronamio.com) – Fonte: www.pt.wikipedia.org (CC BY-SA 3.0)

APARECIDA DE MINAS _______________________________________________________________________

Conhecida como “Terra do Abacaxi”, o distrito de Aparecida de Minas, localizado no município de Frutal, cultiva o título de “Capital Nacional do Abacaxi”, tendo no seu cultivo, a principal fonte de renda da população. Em Aparecida de Minas, é realizada a cada ano a Feira Regional de Agronegócios do Abacaxi, onde a população, em especial os produtores, tem a oportunidade de aprender tudo sobre a expansão do abacaxi, através de palestras, gestão de negócios e exposição, além de entretenimentos.

79190067

Créditos: Vicente A. Queiroz – Fonte: www.panoramio.com

SAPÉ ______________________________________________________________________________________

Localizada no estado da Paraíba, Sapé, terra do poeta Augusto dos Anjos, é conhecida como a “Cidade do Abacaxi”, por seu imenso cultivo na produção da fruta e também por ser um exportador do produto na região. Sapé destaca-se pela arquitetura de suas capelas e casarões, que dão à cidade, um clima de romantismo. Juntamente com Guarabira, Sapé tornou-se uma das importantes cidades da região do brejo paraibano.

4 Sape pm

Créditos: Prefeitura Municipal de Sapé

PORTO GRANDE _____________________________________________________________________________

Destaque também para Porto Grande, no Amapá, onde é realizado o Festival do Abacaxi, cujo cultivo é sinônimo de sucesso, e que dá sustentabilidade a economia local. Porto Grande é o maior produtor de abacaxi do estado do Amapá.

5 - porto grande by Cristina Knapp

Créditos: – www.amapadigital.net

 

TRILHA DO ABACAXI – FLORESTA DO ARAGUAIA

EXPOAGRO MIRANORTE/2015

CACHOEIRA DA ONÇA – MONTE ALEGRE DE MINAS

APARECIDA DE MINAS

SAPÉ

PORTO GRANDE